PERÍODOS LITERÁRIOS

Olá pessoal, tudo bem com vocês?
A postagem de hoje é mais uma vez sobre literatura, dessa vez vou mostrar para vocês um pouquinho sobre os períodos da literatura brasileira, cada um deles integra uma data, um momento histórico, políticos em que o país estava vivendo, cada um desses períodos possui uma características exatas, outras até mesmo um tanto parecido com outras fases.
A literatura brasileira sendo dividida por períodos possui dês fases, sendo elas: Lit. Informativa, Barroco, Arcadismo, Romantismo ( prosa e poesia), Realismo(prosa), Naturalismo ( prosa), Parnasianismo (poesia), Simbolismo (poesia), Pré-modernismo (prosa e poesia) e Modernismo (prosa e poesia).

Vou postar aqui um texto e uma tabela super bacana que eu achei em no site  http://educaterra.terra.com.br/literatura/temadomes/temadomes_conceitosbasicos_6.htm.
 

PERÍODOS LITERÁRIOS

Também conhecidos como escolas, correntes ou movimentos, os períodos literários correspondem à fases histórico-culturais em que determinados valores estéticos e ideológicos resultam na criação de obras mais ou menos próximas no estilo e na visão de mundo. Diferenciam-se do estilo de época por terem uma abrangência maior, englobando circunstâncias como as condições do meio, as influências filosóficas e políticas, etc.
Assim, qualquer período literário (ou artístico) pressupõe:
• momento histórico delimitado (normalmente algumas décadas), onde se dá a adesão de vários escritores à normas e princípios comuns; 

• conjunto similar de influências sociais, culturais e ideológicas agindo sobre as mentalidades; 

• elaboração estética semelhante, seja nas técnicas de construção literária, no estilo, na temática e nos pontos de vista sobre o ser humano e a vida.
A ascensão, predominância e decadência de uma escola ou de um movimento não ocorrem arbitrariamente, apenas pela vontade dos artistas, mas resultam de um processo complexo de influências do espírito de cada época sobre os indivíduos.
Em certas circunstâncias históricas - crises políticas, mudanças violentas ou condições opressivas - a criação de uma arte nova, de um estilo novo e de uma nova maneira de registrar as coisas torna-se urgente para os escritores e os artistas em geral.
Entretanto, a vitória de uma nova corrente não apaga de todo o prestígio e a força da antiga. Podemos assistir à coexistência de movimentos opostos numa mesma faixa temporal. Logo as datas de início e fim de um período não implicam o predomínio automático de um período sobre outro, mas a tentativa de ordenação e simplificação pedagógica dos fenômenos literários.
Didaticamente, a divisão da literatura brasileira em períodos seria representada assim:
PERÍODO ÉPOCA CARACTERÍSTICAS
Lit. Informativa Séc. XVI Visão documental e paradisíaca da nova terra
Barroco Séc. XVII • Expressão ideológica da Contra-Reforma
• Conflito entre corpo e alma
• Temática do desengano
• Linguagem conflituosa e ornamentada
Arcadismo Séc. XVIII • Ligação com o Iluminismo
• Celebração do racionalismo
• Razão = verdade = simplicidade
• Imitação dos clássicos
• Imitação da natureza (campestre)
• Canto da vida pastoril
Romantismo 
(prosa e poesia) Primeira metade do séc. XIX • Individualismo e subjetivismo 
• Sentimentalismo
• Culto da natureza
• Imaginação e fantasia
• Liberdade de expressão
• Valorização do passado
Realismo 
(prosa) Segunda metade do século XIX • Objetividade
• Verossimilhança
• Racionalismo (análise psicológica e social)
• Predomínio do urbano
• Busca da perfeição formal
Naturalismo
(prosa) Segunda metade do século XIX Todas as características do Realismo mais:
• Cientificismo (adoção de "leis científicas" que determinam os personagens)
Parnasianismo
(poesia) Duas últimas décadas do século XIX • Objetividade e impassibilidade
• Teoria da Arte pela Arte (Verdade = Beleza = Forma) 
• Perfeição formal: métrica e rima
• Temática (descrição de objetos e Antigüidade greco-romana)
Simbolismo
(poesia) Última década do século XIX • Subjetivismo
• Nova linguagem poética (sugestão, musicalidade, vaguidade)
• Utilização de símbolos e metáforas
• Culto do mistério
• Religiosidade mística
Pré-Modernismo
(prosa e poesia) Duas primeiras décadas do século XX • Mescla de estilos e temas
• Preocupação social
Modernismo
(prosa e poesia) 1922 - ? • Liberdade absoluta de expressão
• Valorização do cotidiano 
• Linguagem coloquial
• Paródia e verso livre
• Ausência de fronteira entre os gêneros
• Nacionalismo crítico e irônico

Comentários

  1. Oi, Séfora, tudo bem?

    Lembrei das minhas aulas de literatura na escola, deu até uma nostalgia, viu.
    Séfora também é cultura, haha. Bela postagem. Abraços.

    Rogério Queiroz - Uma dose de palavras.
    http://uma-dose-de-palavras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Muito legal. Literatura é sempre bem-vinda, adoro ler mais sobre. Tem um canal no Youtube com aulas gratuitas...só não lembro o nome agora.
    Te desejo um Feliz Natal e ótimo Ano Novo
    Beijos
    Paloma Viricio- Monólogo de Julieta.

    ResponderExcluir
  3. gostava de literatura qdo eu estudava....seguindo aqui amiga retribui?
    www.portaldebeleza.com

    ResponderExcluir
  4. Muito inteligente a postagem!
    Seguindo e Curtindo! Lindo Blog! Amei!
    PS:Parceria Blog Overdose Literária com Autor Marcos DeBrito!! Passa lá e comenta/Segue/Curti se gostar! Retribuo visitas!
    http://overdoselite.blogspot.com.br/2013/12/parceria-blog-overdose-literaria-com.html
    Beijos!

    ResponderExcluir
  5. Oi
    Que demais a sua postagens, gostei muito!!
    Beijinhos
    Renata
    Escuta Essa

    ResponderExcluir
  6. Nossa quanto tempo que não tenho uma aula de literatura. Deu até saudade agora.
    Muito interessante e bem feito o seu post.
    Bjs

    http://livrosemarshmallows.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Seu comentário é muito importante para mim. Diga o que acha, e ajude a transformar o blog a cada dia.